Arquivo mensal: junho 2017

Reitor assina acordo de cooperação entre UNIRIO e INCA

Reitor assina acordo de cooperação entre UNIRIO e Inca

O reitor Luiz Pedro San Gil Jutuca assinou na manhã desta segunda-feira, dia 26, acordo de cooperação técnica entre a UNIRIO e o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). O objetivo é viabilizar a realização de intercâmbio entre as duas instituições, de modo a permitir o desenvolvimento e a participação em áreas de interesse mútuo ou comunitário.

“Firmar acordo de cooperação técnica com uma instituição séria como o INCA é dever de todo reitor”, ressaltou Jutuca. Para ele, é importante que os diversos departamentos tomem conhecimento do acordo para que as ações conjuntas possam se capilarizar pela Universidade.

Também presente na cerimônia, o diretor de Pesquisa da UNIRIO, Anderson Teodoro, destacou que já havia projetos em parceria entre as duas instituições. Entretanto, as atividades desenvolvidas consistiam em ações isoladas, sem amparo em um acordo. Para ele, a assinatura “abrirá um leque de possibilidades”.

A proposta, segundo a diretora-geral do INCA, Ana Cristina Pinho, é “sair do nível pessoal e ir para o institucional”. De acordo com ela, a mudança garantirá a continuidade dos projetos, independentemente das pessoas que estiverem à frente deles.

Dirigentes da UNIRIO e do Inca reunidos na cerimônia de assinatura (Foto: Comso)

Fonte: UNIRIO

Graduação em Enfermagem e Pós-Graduação da EEAP em integração com o Ensino Médio

Hoje, o Colégio Franciscano Santo Antônio, do ensino médio, passou o dia nas dependências da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto. Docentes e estudantes da instituição conheceram as competências do enfermeiro, quando a diretora da EEAP, Dra. Sonia Regina Sousa, os recepcionou, em parceria com os Departamentos de Ensino e os Programas de Pós-Graduação – PPGENF, PPGSTEH, PPGENFBIO e Residência de Enfermagem. Na parte da manhã, a programação se deu com a apresentação dos representantes institucionais, inclusive do Vice-reitor, Dr. Ricardo Cardoso. O almoço aconteceu no restaurante da Escola e, na parte da tarde, os estudantes e docentes interagiram com práticas simuladas realizadas pela Enfermagem.

A primeira atividade simulada foi sobre o procedimento de parada cardiorrespiratória, com direito a retrospectiva histórica do procedimento, desde a Idade Antiga, pela acadêmica de Enfermagem da EEAP Keythluci Faria, seguida de relatos de experiência e prática do procedimento pelos dois Pós-doutorandos do PPGENF, Dr. Alexandre Oliveira e Dra. Margarida Bernardes, acompanhados pelos mestrandos Hugo Neves (PPGENF/UNIRIO) e Diego Freitas de Araujo  (PPGENF/UFRJ).

   A segunda atividade foi desenvolvida no Laboratório de Simulação com a Dra. Renata Flávia Abreu da Silva e a Dra. Vanessa de Almeida Ferreira, quando os estudantes puderam praticar técnica de verificação de pulsação no manequim e aprender sobre os cuidados de enfermagem prestados aos clientes nos hospitais.

   

 

 

 

 

Na avaliação dos docentes e estudantes do Colégio Franciscano Santo Antônio, a visitação foi uma oportunidade impar de vivenciarem a Universidade, em especial o Curso de Bacharelado em Enfermagem da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto, e os Programas de Pós-Graduação.

PROCESSO SELETIVO DISCENTE – DOUTORADO – N° 11/2017 Turma 2018

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Biociências
(PPGENFBIO) do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), da Universidade
Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), torna pública, para conhecimento dos
interessados, a abertura de inscrições para o processo seletivo discente do Curso de
Doutorado em Enfermagem e Biociências (Processo Nº 23102.002718/2017-44), de
acordo com a Resolução UNIRIO Nº 3.394, de 10 de junho de 2010, que dispõe sobre
a implantação do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Biociências, a
Resolução UNIRIO nº 2.937, de 2 de julho de 2008; a Recomendação nº 07/2008, do
Ministério Público Federal; o Ofício Circular nº 0489/2008/PR/CAPES para o estipulado
nas letras “d”, “e” “f”, “g” e “j”; a Lei nº 10.741, de 01 de outubro de 2003; o Decreto nº
6.932, de 11 de agosto de 2009; o Decreto nº 6.944, de 21 de agosto de 2009; a Lei nº
12.990, de 9 de junho de 2014; a Lei nº 7.853, de 24 de outubro de 1989; o Decreto nº
3.298, de 20 de dezembro de 1999; o Decreto nº 5.296, de 01 de dezembro de 2004; o
Parecer CNE/CES nº 178/2012; o Acórdão TCU nº 1.935, de 29 de março de 2011; e o
Acórdão nº 878/2007 TCU – 2ª CÂMARA, de 08 de maio de 2007; com a finalidade de
preencher 29 vagas por ordem de classificação dos aprovados. Leia na integra o edital.